Entrevista: Monica Jones Costa, da UFSCar, fala sobre o simpósio “Ecotoxicologia de Anfíbios: ferramentas para avaliar o impacto de poluentes”

Monica_JonesA questão da poluição ambiental e o declínio da população de anfíbios é um dos temas do simpósio Ecotoxicologia de Anfíbios: ferramentas para avaliar o impacto de poluentes, que será realizado no dia 26 de julho durante o CBH 2013.  Coordenado pela professora Monica Jones Costa, da Universidade Federal de São Carlos, o simpósio fornecerá conceitos-chave acerca da ecotoxicologia e das metododologias necessárias para a realização de ensaios ecotoxicológicos com anfíbios, respeitando a padronização internacional vigente. Monica é graduada em Ciências Biológicas, mestre e doutora em Ciências Fisiológicas e tem experiência na área de Fisiologia, com ênfase em Fisiologia Animal Comparada. A seguir, a pesquisadora responde algumas perguntas relacionadas ao tema do simpósio.

Blog CBH 2013 – O que é ecotoxicologia?

Monica Jones Costa – É o estudo dos efeitos tóxicos de substâncias nos seres vivos, com ênfase nas populações e comunidades em ecossistemas definidos, incluindo as vias de transferência e as interações destas substâncias com o ambiente.
Blog CBH 2013 – Qual a importância do estudo sobre a ecotoxicologia de anfíbios para a sociedade?

Monica Jones Costa – Qualquer animal, ou grupo de animais, que sejam afetados por poluentes presentes no meio ambiente afetará a dinâmica dos ecossistemas, implicando em aumentos e/ou reduções de espécies que seriam por ela predadas (por exemplo, os insetos) ou de seus predadores, causando um desequilíbrio ecológico, do qual a sociedade humana também seria afetada. Além disso, diversas substâncias extraídas de anfíbios têm tido seus princípios ativos pesquisados para serem utilizados como fármacos para tratamento de diversas doenças. Dessa forma, o desaparecimento destes animais, também teria um impacto negativo na medicina terapêutica.
Blog CBH 2013 – Quais os objetivos dos estudos de ecotoxicologia de anfíbios?
Monica Jones Costa – O principal objetivo é delinear os poluentes que, isolados ou conjuntamente, vêm contribuindo para o drástico declínio que este grupo de animais vem sofrendo, principalmente ao longo das últimas 3 décadas. Sabendo-se quais estes agentes e como eles agem sobre as diferentes espécies de anfíbios é que poderão ser propostas estratégias que visem a conservação destes animais.
Blog CBH 2013 – Quais são as principais entidades que desenvolvem pesquisas sobre ecotoxicologia no Brasil?

Monica Jones Costa – A Sociedade Brasileira de Ecotoxicologia que tem como presidente atual o Prof. Dr. Evaldo Luiz Gaeta Espindola da Universidade de São Paulo (USP); o Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Toxicologia Aquática (CNPq), coordenado pelo Prof. Dr. Adalto Bianchini da Universidade Federal do Rio Grande (FURG). Além dessas entidades e dos pesquisadores a elas associados, ainda há inúmeros pesquisadores que, isolada ou conjuntamente, desenvolvem pesquisa aplicada nas mais diversas áreas de conhecimento como ferramenta para fomentar os estudos ecotoxicológicos no Brasil.
Blog CBH 2013 – Qual é o público-alvo do simpósio Ecotoxicologia de Anfíbios: ferramentas para avaliar o impacto de poluentes, que acontecerá no CBH 2013?

Monica Jones Costa – O público-alvo vai desde estudantes de graduação, pós-graduação, até pesquisadores das áreas acadêmicas e não acadêmicas interessados em se atualizar ou iniciar sua atuação na área.
Blog CBH 2013 – De forma simplificada, o que será tratado no simpósio e de que forma acha que vai contribuir para a formação dos participantes?

Monica Jones Costa – Inicialmente, será problematizada a questão poluição ambiental e declínio da população de anfíbios. A seguir, basicamente, serão fornecidos conceitos-chave acerca da ecotoxicologia e das metododologias necessárias para a realização de ensaios ecotoxicológicos com anfíbios, respeitando-se a padronização internacional vigente, para que então sejam apresentados os conhecimentos e metodologias de ponta na utilização de biomarcadores morfofisiológicos para a detecção precoce de impacto de poluentes sobre este grupo de animais.
Blog CBH 2013 – Atualmente, quais são as maiores contribuições atribuídas às pesquisas na área de ecotoxicologia?

Monica Jones Costa – Dentro das missões da Sociedade Brasileira de Ecotoxicologia estão: promover a pesquisa, a educação, o treinamento e o desenvolvimento dos profissionais que atuam na área de Ecotoxicologia; promover a discussão e divulgação de conhecimentos científicos, questões e problemas ambientais entre a academia, governo e empresas; colaborar com o poder público na realização de estudos e na elaboração de planos e programas contendo ações e princípios sobre uso, proteção e o gerenciamento dos recursos naturais; propor soluções para a resolução de problemas ambientais; promover a manutenção da integridade do meio ambiente.

Fonte: Agência Ciência e Cultura

One thought on “Entrevista: Monica Jones Costa, da UFSCar, fala sobre o simpósio “Ecotoxicologia de Anfíbios: ferramentas para avaliar o impacto de poluentes”

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s